web analytics

“Senhor 7-1″ apadrinha Torneio de Vila Franca do Rosário

Foi ontem apresentado o 3º Torneio Internacional de Futebol Sub-15 de Vila Franca do Rosário, que vai decorrer entre 6 e 8 de Abril. Este ano, à equipa da casa, juntam-se Benfica, Sporting, Vitória de Setúbal, Estoril-Praia e os espanhóis do Sevilha.

 

Na apresentação a estrela foi o patrono do torneio. Manuel Fernandes, antigo avançado do Sporting e da Selecção Nacional, que diz ser “uma honra” suceder no apadrinhamento da iniciativa a Carlos Manuel e Toni.

 

Hoje ligado à direcção do Sporting e a trabalhar com as camadas jovens do clube garante que em qualquer clube, a qualquer momento, pode aparecer uma “pérola” para o futebol português: “Estas novas funções têm sido muito interessantes para mim porque me sinto muito bem no meio dos jovens, a incentivá-los e a transmitir-lhes o que é o futebol profissional. É certo que será mais fácil a um jovem que jogue no Sporting chegar lá acima do que a um jovem do Vila Franca do Rosário ou do Sarilhos [clube onde Manuel Fernandes iniciou a sua carreira], mas podem ter a certeza que quando não se espera aparece uma boa “truta” num clube dos distritais”, sublinha.

 

Ainda assim Manuel Fernandes afirma que por vezes muitos miúdos são obrigados a jogar à bola pelos pais e não porque gostam, o que, sublinha, é um erro. O patrono do torneio afirma que foi ele próprio que disse ao seu filho para desistir do futebol: “Eu não gostava que o meu pai fosse ver os meus jogos e hoje em dia os miúdos pedem aos pais para irem ver os seus jogos e, muitas vezes, os pais não são boas influências – a nível desportivo – para os filhos, porque nem todos têm a capacidade de atingir um nível superior, nem todos podem ser um Cristiano Ronaldo ou um Nani. O meu filho tinha a mania que era um bom jogador de bola e que podia jogar nas melhores equipas e eu disse-lhe “desiste, estuda, porque não tens hipótese de chegar a uma primeira divisão”.

 

E falar de Manuel Fernandes é falar dos célebres 7-1, resultado histórico de uma vitória do Sporting sobre o Benfica. O avançado marcou nesse jogo quatro golos e continua a ser recordado por esse momento mas a sua carreira, frisa, é muito mais que esse momento na época 1986/87: “Houve muitos sportinguistas que me ligaram por causa dos 25 anos desse 7-1 a convidar-me para participar em almoços comemorativos e esse é, de facto, um marco, mas quando faço contas à minha carreira preferia ser recordado por ser o segundo melhor marcador da história do Sporting, por ser o jogador que mais golos marcou no velho estádio José de Alvalade, ou por ser o jogador que mais vezes envergou a braçadeira de capitão do clube”, conclui.

 

Na cerimónia de apresentação do torneio estiveram ainda José Augusto, presidente do Clube Desportivo de Vila Franca do Rosário; João Lima, presidente daquela junta de freguesia; José Parente, vereador da Câmara Municipal de Mafra; e Manuel Luís Castelo, vice-presidente da Associação de Futebol de Lisboa.


4 de Abril de 2012
Esta entrada foi publicada em Desporto, Futebol, Home com as tags , , , , . ligação permanente.



2 comentários: ““Senhor 7-1″ apadrinha Torneio de Vila Franca do Rosário”

  1. Está tudo muito bem mas gostaria de saber as horas e os jogos as equipas para poder ir ver….

  2. Caro João Carvalho, a foi publicada nesta página no passado dia 5 de Abril o calendário e horários em questão como pode conferir aqui: http://www.rcmafra.com/?p=5005

Deixe o seu comentário





Publicidade